Blog

‘Deixe sua Marca’ promove reencontro entre professores e bolsistas do Ismart

29/05/15

O que acontece quando um professor de escola pública reencontra um aluno que, anos atrás, indicou para o processo seletivo e deu todo o apoio para que ele se tornasse bolsista do Ismart?

Esta é a ideia por trás da seção “Fazendo a Diferença”, uma das ações do “Deixe sua Marca”, programa de relacionamento do Ismart com educadores da rede pública.

+ CONHEÇA O PROGRAMA ‘DEIXE SUA MARCA’

Os reencontros são registrados em fotos e texto e publicados mensalmente na página do ‘Deixe sua Marca’. O educador conta ao Ismart como identificou o potencial do aluno e o bolsista fala das suas principais realizações depois que entrou para o projeto.

Até o momento, o Ismart já promoveu dois reencontros. O primeiro foi entre a educadora Regina Baltieri e o bolsista Michael Schardosim, atualmente cursando Engenharia na Escola Politécnica da USP. Regina ensinou matemática para Michael no 6º e no 7º ano do ensino fundamental no CEU Emef Butantã, zona oeste de São Paulo. Para ela, foi fácil reconhecer o talento do aluno. “Eu promovia competições entre as turmas e ele sempre se destacava”, afirmou. Veja aqui.

A educadora Regina Baltieri e o bolsista do Ismart Michael Schardosim

A educadora Regina Baltieri e o bolsista do Ismart Michael Schardosim

No Rio de Janeiro, as educadoras Rosângela Silva e Rosane Ferreira, dirigentes da Escola Municipal Ary Barroso, receberam a visita da estudante Karolyne Calheiros, hoje no 3º ano do ensino médio no Colégio pH. Ao saber das conquistas da ex-aluna, Rosângela disse: “Karolyne sempre foi uma aluna exemplar, que estuda e tem foco. A gente não esquece a atuação dela aqui na escola e o envolvimento de sua família com a rotina da filha no colégio”. Veja aqui.

As educadoras Rosângela e Rosane Ferreira com a ex-aluna Karolyne Calheiros ao centro

Educadoras Rosângela Silva e Rosane Ferreira com a aluna Karolyne Calheiros ao centro

Outra ação do “Deixe sua Marca” é o programa “Embaixadores do Ismart”. Além de identificar alunos talentosos e prepará-los para concorrer às bolsas de estudo, o embaixador apresenta o projeto aos demais professores, coordenadores e diretores da rede pública de ensino. Ou seja, sua participação não fica restrita ao envolvimento da própria escola com o Ismart.

No site do programa de relacionamento já foram publicados textos e fotos sobre as duas primeiras embaixadoras do Ismart: Célia Sevilha, coordenadora pedagógica aposentada da Emef Desembargador Paulo Colombo Pereira de Queiroz, e Rosália Oliveira, diretora da Emef Bartolomeu Lourenço de Gusmão, ambas em São Paulo.

Newsletter

Cadastre-se para receber novidades sobre o Ismart.