Blog

Educadora Sueli Oscar e a aluna Maria Isabela Pereira

22/06/18

No fim de 2017, antes mesmo do resultado final do processo seletivo ser divulgado, Maria Isabela Pereira, de 13 anos, escreveu uma carta para a professora Sueli Oscar, que a indicou para o Ismart.

“Eu agradeci pelo ano, que foi muito bom, agradeci também por ela ter acreditado no meu potencial, que eu mesma não achei que tinha, e por ter me apresentado essa oportunidade incrível que é o Ismart”, conta a menina, hoje bolsista do Projeto Alicerce em Belo Horizonte.

“A Maria Isabela é uma aluna muito especial, era muito fácil perceber a facilidade que ela tinha com os estudos. Eu fui só uma intermediária”, afirma, com modéstia, Sueli, que ensina geografia na Escola Municipal Governador Carlos Lacerda.

Mas a verdade é que apesar de o Ismart ser uma novidade, a professora conseguiu aprovar quatro alunos no primeiro processo seletivo de BH: dois para o Alicerce e dois para o Ismart Online. Assim, ela se tornou a primeira educadora a ganhar a Corujinha de Bronze na capital mineira.

“Fico muito feliz de ver o desenvolvimento deles, a rotina mudando, a responsabilidade e o interesse pelo estudo crescendo. Sempre falo que o importante é tentar, buscar e agarrar oportunidades para vencer.”

Neste ano, apesar de não dar mais aulas para Maria Isabela, a professora continua sendo uma presença importante no seu dia a dia.

“Toda vez que a encontro dou um abraço forte. Hoje mesmo ela puxou a minha orelha porque estava com a mochila muito pesada”, conta a aluna.

Para resolver o problema, Sueli propôs que ela deixasse parte do material na sala dos professores, um alívio importante na intensa rotina que Maria Isabela agora tem.

Newsletter

Cadastre-se para receber novidades sobre o Ismart.