Blog

Como se adaptar em outro país durante o Summer

03/09/19

Por: Giovana de Oliveira Ferreira

Você já sentiu aquele frio na barriga quando estava prestes a fazer algo que nunca tinha feito antes? Aquele nervosismo de enfrentar experiências novas? Agora imagina o tamanho desse nervosismo quando você está prestes a estudar durante alguns dias em outro país, com outra língua e uma cultura totalmente diferente da sua. Parece bem assustador né? Por causa disso vou listar aqui algumas dicas para que essa oportunidade acadêmica e social incrível possa ser aproveitada ao extremo e não se torne algo que te cause borboletas no estômago.

*Caderno de anotações*

Desbravar o desconhecido pode ser menos assustador se você se informar um pouco, sei que pode parecer contraditório, mas conhecer o que você está prestes a enfrentar pode te acalmar e aproveitar melhor a experiência. E não precisa ser nada chique, um simples caderno em que você consiga escrever onde vai se alojar, horários importantes, preparativos para a viagem, tudo isso te prepara psicologicamente para quando você vai para algum lugar novo, geralmente sozinha.

*Conversar com nativos*

Muitas vezes, quando estamos em outro país, nos sentimos um pouco deslocados, mas posso dizer com certeza que esse sentimento vai passar, e um jeito dele passar mais rápido é interagir com pessoas que conhecem o lugar e podem te mostrar como tudo funciona. Pode ser um amigo da sua classe, sua professora ou os staffs do programa, isso fica ao seu critério, o importante é você conversar com alguém que possa te ajudar sem que você se sinta desconfortável.

*Planejar o dia*

Durante seu Summer, a quantidade de estudos, atividades extras e responsabilidades podem parecer um pouco “overwhelming“, por causa disso, é extremamente importante que você planeje seus dias, porque assim você pode se organizar e utilizar melhor seu tempo. O melhor disso é que você vai conseguir estabelecer seu tempo livre e, assim, programar atividades que você goste de fazer (vamos falar um pouco mais desse tópico, pode ficar tranquilo), momentos para estudar e ser mais produtivo.

*Manter a calma*

Eu sei que essa dica pode parecer meio besta, mas ela é crucial para aproveitar uma oportunidade tão maravilhosa como um Summer. Como eu disse antes, é normal você se sentir um pouco desconfortável no início, mas são nesses momentos que você deve manter a calma, mesmo que tudo pareça estar errado e você só quer voltar para casa. Um exemplo disso aconteceu comigo, quando eu tinha acabado de chegar em Harvard: eu percebi que meu celular estava com problema e não conseguia me conectar com a Internet do campus nem receber qualquer ligação, por isso, eu não conseguia me comunicar com minha família e conhecidos. No primeiro momento, eu fiquei desesperada e me perguntei o que eu estava fazendo naquele lugar e só queria voltar para o conforto da minha casa, mas coisas incríveis não acontecem na sua zona de conforto. Então eu respirei fundo e falei para mim mesma que no dia seguinte eu ia tentar resolver o problema e que eu não faria ele desaparecer me preocupando naquele momento, e foi isso que eu fiz, aproveitei o restante do meu dia e quando eu acordei, procurei alguém que pudesse me ajudar. Resumindo a história, eu consegui usar a internet e o meu Summer foi a experiência mais incrível que eu já tive. Então, eu te digo com toda certeza que se preocupar demais com algo que está além da sua capacidade no momento não ajuda em nada, por isso manter a calma nessas situações é extremamente importante. :)

*Fazer coisas que te deixam bem*

Como o próprio título nos diz, é muito importante fazer coisas que te agradem, principalmente nos primeiros dias em que tudo é novo para você. Pode ser ler em uma praça, andar pela cidade, fazer compras, visitar museus ou até mesmo estudar, qualquer coisa que faça você se sentir bem e confortável. E eu posso dizer que durante seu Summer, você vai ter tempo para fazer essas coisas, basta você se organizar bem (só voltar no item “planejar o dia” 😉 )

*Tomar o seu tempo*

Por último, e não menos importante, é essencial que você saiba que cada um tem o seu tempo, você não precisa se acostumar em horas ou em dois dias e não se desespere se você ver que seu amiguinho se acostumou antes de você, isso é normal, assim como você talvez se acostume antes de alguém que você conheça. O importante é lembrar que o Summer é uma oportunidade única e que você pode aprender muito com ele, então não tem problema ser um pouco estranho no começo, porque eu tenho certeza que no final você vai sentir muita falta.

Bom, essas foram algumas dicas para que você possa aproveitar ao máximo essa experiência fora de seu país e espero que elas possam ser úteis para enfrentar esse novo desafio.

Newsletter

Cadastre-se para receber novidades sobre o Ismart.