Skip to main content

Na série “História de Sucesso” de hoje  vamos apresentar a aluna Ismart Izabella Almeida, nascida e criada em Belo Horizonte, Minas Gerais, que passou no processo seletivo quando tinha 15 anos, conquistando uma vaga no Bolsa Talento.

Na época, Izabella estudava na Escola Municipal Dulce Maria Homem, e hoje, com 18 anos de idade, estuda no Instituto de Tecnologia e Liderança (INTELI), cursando Ciências da Computação.

Conheça um pouco mais de sua trajetória pelo Ismart conferindo a entrevista que fizemos!

História de Sucesso Ismart, Izabella responde a perguntas sobre sua trajetória acadêmica. Confira abaixo!

1. Como se preparou para conseguir a bolsa e o que sentiu quando passou no processo seletivo Ismart?

Izabella: Quando fiz o processo seletivo para entrar no Ismart, no auge do meu 9º ano escolar, estava me preparando, também, para fazer o processo seletivo em outras escolas que tinham o ensino médio integrado ao técnico. 

Dessa forma, meu preparo foi muito semelhante em ambos os casos: eu fazia cursinho e tinha contato direto com as matérias cobradas na prova pedida pelo ismart. Além disso, por sempre estar inserida em projetos e olimpíadas, estava acostumada a lidar com outras pessoas e fazer trabalhos em grupo, tarefas que me concederam habilidades essenciais para minha aprovação no processo seletivo do Ismart.

2. Como era a sua jornada de estudos antes do Ismart?

Izabella: Antes de entrar no Ismart eu não tinha uma rotina de estudos definida. Por estudar em uma escola pública, que não tinha uma cobrança tão grande, e por ter facilidade na grande maioria das matérias dadas, nunca tive a necessidade de ter um cronograma de estudos bem estabelecido, tendo em vista que poucas horas dedicadas eram suficientes para conseguir alcançar meus objetivos.

3. O que mudou na sua jornada de estudos depois que conheceu o Ismart?

Izabella: Após ser aprovada no projeto Bolsa Talento, passei a estudar no Colégio Santo Antônio, uma das melhores escolas do país. Diferente do que eu havia experienciado anteriormente, a cobrança, nessa instituição, era muito maior e fazia com que eu precisasse me dedicar mais horas ao estudo e aprendizado para conseguir manter a mesma média de notas do ensino fundamental. 

Por isso, minha rotina de estudos ficou muito mais estruturada, com objetivos claros e um cronograma regrado. Assim, passei a ser muito mais organizada, já que precisava conciliar muitas atividades em um curto espaço de tempo.

4. Como foi a sua experiência com o programa universitário?

Izabella: Estou na faculdade há exatos quatro meses e, até agora, o programa universitário tem sido um ótimo apoio. Essa nova etapa não é nada fácil, mas, com a ajuda da equipe Ismart, dos projetos universitários e do auxílio semestral, tem sido menos desafiador passar por tantas mudanças.

5. Como o Ismart te ajudou nessa jornada?

Izabella: Sem o Ismart, eu não conseguiria sequer sonhar com a possibilidade de estar no lugar em que me encontro. Esse instituto deu, durante o ensino médio, todo apoio emocional, financeiro, acadêmico e pessoal que um estudante precisa para conseguir entrar no ensino superior. 

Tive o acompanhamento de uma analista, conversas com diferentes profissionais, apoio da comunidade de alunos Ismart, trilhas de carreira para decidir que profissão seguir, projetos direcionados para meu planejamento de vida, dentre outras muitas atividades que me ajudaram a, não somente escolher o que eu queria, mas também, seguir no caminho correto para alcançar esses objetivos.

6. Como você se sente ao ver sua trajetória com o Ismart e tudo o que você viveu?

Izabella: Eu me sinto muito grata e realizada quando penso em tudo que o Ismart proporcionou na minha vida. Essa instituição me ensinou que sonhar é importante e que não há limites para os nossos sonhos quando existe a verdadeira vontade de realizá-los. Sinceramente, não consigo descrever o tamanho da sorte que tive ao conhecer o Ismart e como fui privilegiada por ter tido o seu apoio incontestável durante toda a minha trajetória.

9. O que você diria para os bolsistas novatos do Ismart?

Izabella: Se existe um conselho que posso dar àqueles que estão chegando agora, é: aproveitem todas as chances e oportunidades que o Ismart irá proporcionar. Sei que no início pode parecer estranho, mas confiem no processo que está começando e dê o máximo de si em todas as etapas dele. 

A partir de agora muitas portas irão se abrir, mas tenham a certeza de que ter o Ismart caminhando lado a lado faz toda a diferença.

Conheça mais cases de sucesso!

Assim como Izabella, temos outras histórias incríveis de alunos que passaram pelo Ismart e fizeram parte da nossa jornada até hoje. Dentro do nosso acervo você pode conferir dezenas de alunos que nos encheram de orgulho e conquistaram seus sonhos!

E, é claro, pode se tornar um desses estudantes de sucesso — ou indicar alguém que conhece. Para isso, basta se inscrever no Processo Seletivo Ismart 2023! 

Deixar comentário