Blog

O Summer Program foi meu primeiro passo para conquistar ainda mais

04/08/18

*Por Lucas Lelis:

A Universidade de Notre Dame, em Indiana, é impressionante, primeiramente, por seus prédios de aparência arcaica, mas, no entanto, conservados e com um estilo próprio. Alguns prédios se destacam entre os outros devido a sua altura, por terem sido construídos durante a Grande Depressão norte-americana. Nessa época, a Universidade era a única instituição na região que continuava a construir e se expandir, permitindo construção de prédios altos para que a obra fosse mais extensa e os trabalhadores fossem empregados por mais tempo, o que justitifca o espírito, admiravelmente, altruísta da instituição.

Logo nos primeiros dias, percebi como todos os residentes e profissionais da instituição são simpáticos e receptivos. Conhecendo as diferentes escolas da Universidade, pude ter aulas de Business, Ética, Psicologia e Física, e, assim, consegui ter uma outra perspectiva sobre a variedade de cursos.

Dentre as opções, o Business se apresenta como um curso que muito me atrai, por sua abrangência e conexão com outras áreas e me faz cogitá-lo para um futuro próximo.

Cursando o summer camp, em Notre Dame, planejava expandir meus horizontes, experienciar, conhecer diferentes lugares e carreiras, confesso que o objetivo foi alcançado com êxito.

Como parte dessa expansão de horizontes, conheci pessoas de diferentes culturas e países, o que foi muito valioso, porque me ajudou a conhecer outras perspectivas de mundo e adquirir conhecimentos específicos sobre diversas culturas. Panamenhos, indianos, mexicanos, nicaraguenses, europeus e africanos, toda essa diversidade se mostrou extremamente enriquecedora e única.

Visitei a cidade de Chicago, um ponto alto da experiência, e que surpreendeu a mim e a todos os meus colegas de curso, sendo um ícone de arquitetura moderna.

Bem, cheguei até aqui graças ao programa do Ismart que também ofereceu o preparatório para o Toefl, que me ajudou a conseguir a vaga.

Estudar fora sempre foi um interesse meu e ainda é, porque planejo conseguir me graduar nos EUA, principalmente após essa maravilhosa experiência da vida universitária no país.

Essas duas semanas foram incríveis para o meu desenvolvimento pessoal e acadêmico, formei grandes amigos, que espero levar para a vida, e indico àqueles que planejam estudar nos EUA, que procurem se engajar em atividades extracurriculares e acreditem sempre!

Newsletter

Cadastre-se para receber novidades sobre o Ismart.